sábado, 13 de junho de 2020

5 dicas que você precisa saber sobre marketing de conteúdo


A retomada aos poucos está acontecendo por todo o mundo e também em algumas regiões do Brasil. Recomeço é sempre uma oportunidade para ajustes nos nossos objetivos e metas e para prestar atenção no que realmente importa para nós e nossa atividade profissional. Você tem se perguntado quem é sua comunidade? A quem você serve? Será que está cuidando dela com a devida atenção? 


Alguns teóricos especulam que o tamanho médio de um grupo social (ou comunidade) gira em torno de 150 pessoas (ou até menos). Não se prenda ao número de amigos que você tem no Facebook, seguidores no Instagram ou conexões no Linkedin. Isso não importa nada.

 

Ouça também no Spotify



O que importa é com quem você mais fala ou interage no dia-a-dia. 


Assista no Youtube



Há teóricos, também, que afirmam que são os grupos com um número menor de pessoas que sustentam os negócios. Trocando em miúdos: a sua tribo mais engajada. E qual a sua tribo? Ao focar-se nela você passa a ter foco. E, ao focar-se em servir essa comunidade, não só ela se sente especial, como ela também fala para outras pessoas. Portanto, ajude essas comunidades, participe, dê sugestões, apoio, etec. Você terá isso de volta também. Isso chamamos de prova social, depoimentos, brand lovers, advogados de marcas...ou qualquer outra forma como você queira chamar. O que interessa é que o boca-a-boca é e continuará sendo a alma de qualquer negócio. Isso fortalece a sua marca nessas comunidades.

 

O marketing de conteúdo pode ajudar nesse momento


Lido com o marketing há pelo menos 30 anos como empreendedor e 25 anos como professor universitário e aprendi algumas coisas. Para ter resultados no mundo dos negócios hoje, estou convencido de que você deve reconhecer a importância e abraçar o marketing de conteúdo, mesmo quando não consegue entendê-lo, a princípio.



Vamos às cinco dicas relativas à experiência com marketing de conteúdo:


1. Campanha “viral" não é tão importante

 

Quase todas as marcas sonham em ter uma campanha viral (aquele conteúdo extraordinário que se espalha pela Internet como pólvora). A idéia de obter um milhão de visualizações é tão legal... mas totalmente sem sentido. A minha verdade para vocês: "viral" não funciona, e geralmente não importa. 

 

As publicações virais conseguidas pela maioria das marcas (ou pessoas) não tiveram impacto na estratégia de longo prazo ou no sucesso dos negócios delas (com algumas exceções). Não há atalhos para o sucesso. O trabalho é árduo e contínuo. Todo mês tem que ser um pouco melhor que o mês anterior, a nova versão melhor do que a anterior e assim em diante. Até você atingir o momento no qual as pessoas passam a confiar em você e começam a comprar coisas de você.

 

2. SEO não é tão importante assim

 

Quase todas as empresas que atuam digitalmente se utilizam do marketing de conteúdo para se diferenciar na otimização de mecanismos de buscas. O SEO (Search Engine Optimization) ainda é predominante para muitas empresas, mas eu e alguns teóricos já perceberam que ele se torna menos importante ao longo do tempo para algumas empresas porque as oportunidades de pesquisa por meio de conteúdo está diminuindo, a competição pelo sucesso da pesquisa está aumentando, pois apenas 1 ou 2 empresas "conquistam" o topo dos resultados e a grande quantidade de conteúdo na Web torna o SEO cada vez mais caro.

 

Em minha opinião o marketing de conteúdo tem uma relação maior com o fato de se estabelecer autoridade que atraia o seu público sem depender dos caprichos do algoritmo do Google. O correto seria o conteúdo obter visualizações sem o SEO, porque o conteúdo perspicaz e útil que se fornece tem autoridade que gera assinantes e compartilhamento social na Web independentemente do SEO. Portanto, ele pode não ter benefício para muitas empresas!

 

3. O marketing de conteúdo não tem relação com metas de vendas

 

O marketing de conteúdo funciona, mas funciona independentemente de quaisquer metas de vendas trimestrais. O marketing de conteúdo - especialmente se você está construindo autoridade - é um processo lento e paciente. Funciona, mas é preciso persistência e paciência. As pessoas que consomem seu conteúdo não se importam com suas metas de vendas trimestrais. Eles vão comprar de você quando estiverem prontos.

 

4. Engajamento não deveria ser o objetivo do marketing de conteúdo

 

Baseado em minha experiência, descobri que o engajamento é uma métrica de vaidade com quase nenhum valor mensurável do negócio para a maior parte das marcas. E isso é o oposto do que a maioria das empresas e pessoas acreditam. Elas estão se matando (simbolicamente) para melhorar o engajamento e provavelmente desperdiçando muito dinheiro com impulsionamentos e etc..

 

A maioria dos seus melhores e potenciais clientes/públicos não está envolvida com você em redes sociais. Isso não significa que essas pessoas não estejam conectadas e construindo uma conexão emocional com você. Significa apenas que eles estão observando você em silêncio. Então, por que enfatizar tanto o engajamento?

 

5. Consistência é o mais importante

 

Muitas pessoas têm receio do marketing de conteúdo porque acham que não têm nada a dizer. Talvez tenham medo porque não se consideram especialistas em nada. Mas um dos segredos do marketing de conteúdo é que você não precisa necessariamente ser um especialista em algo para causar impacto neste mundo. Às vezes, tudo que você precisa fazer é levar as pessoas para a jornada que as auxilie. Portanto, aprenda, cresça, melhore.

 

Ninguém nasce especialista. Mas todos têm algo a dizer à medida que aprendem e crescem. O sucesso neste espaço tem menos a ver com você ser um gênio do que simplesmente estar disposto a compartilhar honestamente de maneira consistente no longo prazo. Você só precisa ser autêntico.

 

A lição é que não existe uma solução rápida em se tratando de marketing de conteúdo. Mas funciona se você se comprometer com a qualidade e a consistência ao longo do tempo. Está disposto a fazer isso?

 

Comente sobre os assuntos aqui tratados, compartilhe e nos envie as sugestões de temas e conteúdo!

Prof. Alberto Claro

bit.ly/profalbertoclaro


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...